Qual o papel da família na escola

Qual o papel da família na escola

 

                 http://2.bp.blogspot.com/-92KNw_E7IKQ/Tb43mX0hEaI/AAAAAAAAB6c/3lOb_CDog6U/s1600/FAMLIA%257E1.JPG                                                    http://2.bp.blogspot.com/-92KNw_E7IKQ/Tb43mX0hEaI/AAAAAAAAB6c/3lOb_CDog6U/s1600/FAMLIA%257E1.JPG

 

A educação perpassa tanto o ambiente escolar quanto o familiar. A interação entre ambos é muito importante para o sucesso do processo ensino-aprendizagem. Mas de que forma deve ocorrer a participação da família na escola? De que maneira a escola pode estimular a participação dos pais? Quais os principais resultados trazidos?

A família e a escola trazidos por essa participação formam uma equipe. É fundamental que ambas sigam os mesmos princípios e critérios, bem como a mesma direção em relação aos objetivos que desejam atingir.

A participação não obrigatoriamente demanda muito tempo. Deve ser antes de tudo qualitativa, isto é, não é preciso ir à escola todos os dias, assumir funções em comissões ou algo assim; quem puder e quiser, pode fazê-lo, porém mais importante é deixar claro para os filhos que acreditam no trabalho da escola, que estudar não é opção, é obrigação e que os professores têm o apoio da família. Além disso, a supervisão às tarefas e a atenção que dão aos comunicados que o colégio envia, explicitam concretamente às crianças a dimensão que a família dá aos estudos. Atualmente o que a escola mais necessita ter é o apoio da família e da sociedade para poder fazer o seu trabalho de forma eficiente.

 A participação não obrigatoriamente demanda muito tempo. Deve ser antes de tudo qualitativa, isto é, não é preciso ir à escola todos os dias, assumir funções em comissões ou algo assim; quem puder e quiser, pode fazê-lo, porém mais importante é deixar claro para os filhos que acreditam no trabalho da escola, que estudar não é opção, é obrigação e que os professores têm o apoio da família. Além disso, a supervisão às tarefas e a atenção que dão aos comunicados que o colégio envia, explicitam concretamente às crianças a dimensão que a família dá aos estudos. Atualmente o que a escola mais necessita ter é o apoio da família e da sociedade para poder fazer o seu trabalho de forma eficiente. Primeiro a revalorização do saber; os filhos compreendem que estudar é importante; segundo: tendo mais contato com o trabalho que a escola desenvolve, os pais compreendem melhor as dificuldades e os empecilhos que existem no processo de ensinar e aprender, tornando-se mais aptos a colaborar; um terceiro resultado positivo é indireto: demonstrando confiar na escola, os pais ajudam a reconstruir a autoridade do professor, hoje um item fundamental para que a aprendizagem possa ocorrer.                           Quando os alunos não confiam e/ou não respeitam os docentes, não aprendem. Pais que vivem questionando, criticando e superprotegendo os filhos, não percebem que, de certa forma, incentivam a indisciplina e a desmotivação. É claro que estou me referindo às críticas feitas inadequada e constantemente, e sem base concreta. Todo mundo pode errar; professor também. A forma pela qual se faz a crítica é que faz diferença.

 

Toda a doutrina social que visa destruir a família é má, e para mais inaplicável. Quando se decompõe uma sociedade, o que se acha como resíduo final não é o indivíduo mas sim a família.

Victor Hugo

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 3.7/5 (52 votos)




ONLINE
1









Total de visitas: 2864